quarta-feira, março 11, 2009

Fragmento

Intimidade de jovens amantes na cama, ligados olho a olho, peito nu a peito nu, órgão a órgão, joelho a joelho arrepiado trêmulo, trocando atos amorosos e existenciais pela tentativa de conseguir a chave da dor (Trecho de Os Subterrâneos de Jack Kerouac)
Já faz um mês ou mais que li esse livro, mas gosto desse trecho, da forma como ele descreveu o ato. Vale a leitura do livro todo.

2 comentários:

Pedro Antônio disse...

É bom demais viver com os pés e o pensamento nas alturas. Fica tudo mais leve e mais feliz.

O seu blog também é muito legal (já disse isso num comentário anterior). Você tem bastante estilo. Isso é bacana. Também, né!? Publicitário... já viu! Criatividade a mil! (hauahauahauahauahaua)

Abração.

Te espero por lá outra vez. Até!

Pedro Antônio - A TORRE MÁGICA - www.atorremagica.blogspot.com

Eduardo disse...

Isso aí vadio, esse livro é do caralho,como todos do Keroac. Mas esse trecho, porra, nem lembrava, muito show mesmo. Por isso nós somos foda, porque nós lemos caras fodásticos! Falow aeh vagal, abraço